Recém-formado? 5 dicas para encontrar sua carreira ideal!



A saída da universidade se aproxima cada vez mais e você se depara com a questão:


O que vou fazer da vida depois disso tudo? Minha timeline do Facebook, meus pais, os palestrantes da Semana Acadêmica e meus professores não param de dizer sobre a importância de construir uma carreira sólida e de sucesso e eu nem sei escolher qual marca de pasta de dente usar.


Como lidar com isso?

A carreira é o fio que irá conduzir os trabalhos que você irá realizar durante sua vida profissional. Ela será o guarda-chuva que dará sentido a todos os estágios, projetos e trabalhos que você irá desenvolver e fazer parte.


E sucesso, bom, sucesso é relativo. Mas, considerando sucesso como a busca pela felicidade, podemos concluir que uma carreira de sucesso seria uma carreira na qual você encontra felicidade. Levando em conta que você provavelmente irá passar uma grande parte da sua vida trabalhando, seria excelente se você fosse feliz com sua carreira e seu trabalho, certo?


A escolha de trabalhos e consequentemente da carreira é um processo constante e atento de experimentação, autoconhecimento e desenvolvimento.


1. Experimente trabalhos diferentes. Agora é a hora!

Mas não experimente por experimentar. Entenda como aquela experiência reverberou em você e porque ocorreu do jeito que ocorreu. O que sobre si você aprendeu com aquele ou esse trabalho? O que sobre o outro você aprendeu? O que sobre a sociedade você aprendeu? Como isso ressoa em você? Leve as experiências a sério e as investigue. Seja seu principal investigador e detetive interno. Escreva, desenhe e coloque para fora tudo que você aprender!


2. Encontre equilíbrio entre a razão e a intuição

Quando estiver experimentando um estágio ou trabalho novo não rejeite as mensagens da sua intuição. A hiper valorização da razão pode ser prejudicial. Permita-se sentir. Imagine que nossas intuições, sentimentos e extintos são como uma água correndo sem direção para todos os lados. Essa água precisa de alguma forma ser canalizada para ter uma direção, para fluir para algum lugar e não ser desperdiçada. Então, surge a razão, como um tobogã que vai se formando ao longo dessa água que é jorrada pela intuição. Escute sua intuição e balize ela com a razão.


3. Cuidado com modismos! Deixe que as respostas de suas dúvidas tornem-se óbvias

O legal agora é criar ou trabalhar em startups, depois o negócio será desenvolver empresas sociais, daqui a um tempo a melhor opção será virar trainee de uma grande empresa. Modismos sempre irão existir e você deve ficar atento para não se identificar demais com eles e esquecer de ouvir o que você quer de fato fazer. “Mas não faço ideia do que eu gosto, tem tanta coisa legal por ai…” Experimente e deixe que se torne óbvio. As dúvidas vão se respondendo com o tempo e você irá se identificando cada vez mais com sua essência.


4. Calma, calma e mais calma

Quando eu vou começar a ganhar bem? Quando eu vou encontra um estágio melhor? Quando a minha empresa irá bombar? Muitas vezes temos pressa demais. Temos a percepção de que as coisas deveriam acontecer mais rápido. Queremos controlar a velocidade com que as coisas acontecem em nossa vida. Isso gera muita ansiedade e faz com que a gente não observe bem o que acontece ao nosso redor (o que é muito importante para os três itens anteriores). Esteja atento ao que acontece e se observe. Os objetivos e metas que almejamos se cumprirão se trabalharmos para tal, não deixe o ruído da ansiedade te incomodar tanto.


5. Mas e o dinheiro? E se eu escolho algo que não dá dinheiro?

O dinheiro foi uma convenção de valoração que criamos para organizarmos nossa sociedade. O que cada um de nós vai produzir de valor, os produtos e bens que iremos gerar para o mundo dependem do nosso trabalho, que é guiado por nossa carreira. Sendo assim, o dinheiro se torna a expressão de nosso ser no mundo. O dinheiro não é malvado e perverso, tão pouco é a coisa mais importante da vida. Ele por si só não tem vida, nós é que damos vida à ele. A relação saudável do dinheiro surge quando você quebra a crença de que é difícil ganhá-lo. A partir do momento que você tem clareza sobre sua carreira e o que você quer seguir, siga. O dinheiro virá naturalmente.


Nós já sabemos de tudo isso, mas esquecemos e somos distraídos ao longo da nossa vida. Cada dia que passa, busque ser mais sincero com você mesmo que naturalmente você entrará em um fluxo de coisas positivas, tanto em sua vida profissional, quanto em sua vida pessoal.

Trabalho por um mundo mais humano, empático e colaborativo

(41) 99600-9276

contato@ivanpetry.com

Rua Fernando Amaro, 60 - Curitiba/Paraná

  • Instagram
  • LinkedIn
  • YouTube